quinta-feira, 6 de maio de 2010

versus




Aquela história do anjinho num ombro, diabinho no outro? Tenho a dizer que é tudo verdade, verdadinha. Tenho um de cada lado, e discutem acaloradamente todo o santo dia. Um dia perco a cabeça e ouço só o diabinho.

(Neste momento, já está o anjinho a dizer “Perdes, perdes… Tem mas é juízo!”)

1 comentário:

Tete disse...

Eu sou qual, eu sou qual??? :D Pelas ameaças que me fazes, diria que sou o diabinho, mas a verdade é que tu nunca me darias ouvidos.:P