quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Ai isso é que ganhei! Por causa...

... do arco-íris...


Eu ainda não sei bem usar a voz. Falo com os olhos; falo com música; falo com fotografias; falo no papel e no ecrã. Mas uso pouco a minha voz.

Penso que não terá sido por acaso que me foi colocado o desafio de a usar. E sabendo desta minha "inaptidão", ainda assim resolvi aceitar. Penso que isso também não deve ter sido por acaso. Estive à altura? Pois, se calhar não...


Há pessoas que têm um dom; eu, pelo contrário, preciso de pensar nas coisas antes de as dizer. E pensar bem, para condensar todos os pensamentos que viajam constantemente à velocidade da luz nesta cabeça. Depois então lá sai qualquer coisa. Às vezes bem, às vezes nem tanto.


Para quem não sofre deste mal, deve ser extremamente difícil de compreender o porquê do silêncio. E é justamente por isso que agradeço do fundo do coração a paciência e generosidade que algumas pessoas demonstram.


Sei que tive sorte, tanta sorte… Não apenas nestes 3 dias, mas em muitos mais!


O que é certo é que não valeu a pena só pelo arco-íris. Prometi e hei-de cumprir, todas as vezes que for necessário. Todas. A alternativa… não é alternativa.


Para quem ler e não perceber (provavelmente ninguém irá perceber a totalidade do que escrevi), não peçam muito… Sabem que tenho um problema de expressão… :P


É que há coisas que não são para entender quando se ouvem, são para ir entendendo com o tempo.



XXVI!

3 comentários:

Fabituh disse...

Espero que saibas que por mim fazes o XXVIII! E esse dom que ainda não exploras-te, que é a tua voz, vai ser cada vez melhor. As coisas melhoram com o treino. Quanto à tua capacidade de ser simpática e estremamente afável ao primeiro contacto, essa é inegável!

Aquele abraço

Pankekinha disse...

Eheheh confesso que se não te conhecesse pessolamente iria mesmo não pescar nada do que escreveste...
mas bem sei o quanto te calas lol
aliás, as únicas vezes que te ouvi falar muito estavas cheia de fome e as pizzas nunca mais chegavam
HAHAHHA
feliz ano novo minha linda
beijocas e te espero em Moz

Pequenos escritores disse...

Percebi tudinho o que escreveste, porque partilho desse sentimento de não conseguir expressar oralmente o que vai cá dentro. É tão mais fácil escrever...

Gosto de ti.